terça-feira, 2 de março de 2010

Matéria Escura

Falemos um pouco de cosmologia. Uma das coisas que mais intriga os cientistas atualmente é um tipo de matéria denominada matéria escura. Embora ninguém saiba direito o que é, o modelo cosmológico mais aceito pela ciência diz que a matéria escura compõe cerca de 23% da densidade de energia do universo. O restante é energia escura (73%), que também é um mistério para os estudiosos, e matéria bariônica (4%). É nesta última que estão contidas todas as galáxias, estrelas, cometas, planetas e todo o restante dos corpos celestes conhecidos, inclusive nós mesmos :)

A matéria escura não emite luz nem nenhuma outra forma de radiação. Ela apenas interage gravitacionalmente deformando o espaço-tempo postulado por Einstein em sua Teoria Geral da Relatividade. Teóricos já dizem que ela determina a estrutura geral do universo, formando uma espécie de esqueleto em torno do qual se agrupa toda a matéria convencional. Ela preenche tudo o que antes se pensava ser apenas vácuo.

Eu gosto de comparar estas recentes descobertas da ciência com o que a filosofia e a religião dizem desde algum tempo atrás. Vejam só: René Descartes, filósofo, físico e matemático que viveu no século XVII - o cara que inventou os eixos cartesianos - dividia a realidade em duas substâncias, uma que ele chamava de res cogitans (consciência) e outra denominada res extensa (matéria). Ele imaginava que a res extensa era uma espécie de manto universal a partir do qual se originavam todas as coisas. E o Livro dos Espíritos, escrito por Allan Kardec em 1857 no formato de perguntas e respostas, diz o seguinte sobre as propriedades da matéria:

22. Define-se geralmente a matéria como sendo o que tem extensão, o que é capaz de nos impressionar os sentidos, o que é impenetrável. São exatas estas definições?

Do vosso ponto de vista, elas o são, porque não falais senão do que conheceis. Mas a matéria existe em estados que ignorais. Pode ser, por exemplo, tão etérea e sutil, que nenhuma impressão vos cause aos sentidos. Contudo, é sempre matéria. Para vós, porém, não o seria

29. A ponderabilidade é um atributo essencial da matéria?

“Da matéria como a entendeis, sim; não, porém, da matéria considerada como fluido universal. A matéria etérea e sutil que constitui esse fluido vos é imponderável. Nem por isso, entretanto, deixa de ser o princípio da vossa matéria pesada.”

36. O vácuo absoluto existe em alguma parte no espaço universal?

Não, não há o vácuo. O que te parece vazio está ocupado por matéria que te escapa aos sentidos e aos instrumentos.

Tem a ver... não tem?! Para quem ficou curioso e quiser se aprofundar, basta procurar o termo "matéria escura" no Google que tem um montão de sites falando dela. Também recomendo ficar de olho nos canais da National Geographic, Discovery Channel e History que de vez em quando passam programas legais sobre esse assunto. E bom aprendizado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário