segunda-feira, 22 de março de 2010

Elevando a Moral

Antes de mais nada, devo avisar que o título desta postagem tem um trocadilho proposital em torno da palavra moral. Voltemos brevemente às aulas de Português. Quando no masculino, o moral significa ânimo. Assim, quando se quer, por exemplo, dar apoio a um colega, pode-se dizer: -Amigão, eleve o moral, nada de ficar de cabeça baixa! Contudo, quando no feminino, a moral significa todo um conjunto de normas e condutas que regem as relações de convivência em sociedade. Portanto, o título desta postagem fala de aumentar a moral, ou seja, aumentar a qualidade da conduta. Por que estou escrevendo isso? Porque achei muito curiosa a reportagem do Jornal Nacional que foi ao ar no dia 8 de março. Neste dia, foi apresentada uma pesquisa das Nações Unidas que perguntava: o que precisa mudar para que o nosso país melhore de verdade? Educação foi o item mais votado e concordo com isso. Mas, surpreendentemente para a própria ONU, muitos brasileiros mencionaram que é necessário melhorar a nossa conduta moral. Lembram-se da Lei do Progresso que mencionamos anteriormente? E da Geração Nova? Abaixo o link p/ a reportagem completa do Jornal Nacional.

Veja o vídeo da reportagem

E aí, será que estamos passando por mudanças mesmo? Uma fase de progresso mais acentuado? Tirem suas próprias conclusões e, se puderem, façam seus comentários.

quarta-feira, 17 de março de 2010

Mantenha o Respeito

Da lista de mandamentos que aprendi quando criança, estou adotando apenas dois para a minha vida: amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a mim mesmo. Na verdade, todos os outros mandamentos estão contidos nestes dois. Foi Jesus quem resumiu assim e ficou ótimo! Bem sucinto e objetivo. Está certo que, no início, a gente acaba achando que esse negócio de amar o próximo é meio esquisito, ai, ui, ui. Quando o próximo é da família ou amigo, vá lá. Mas como é que a gente faz para amar as pessoas que nem conhece direito? Que encontramos por aí no dia-a-dia? E amar o inimigo então? Onde já se viu isso?! Eu tinha uma porção de dúvidas. Até que um dia ouvi um palestrante trocar o verbo amar por respeitar.

Respeitar o próximo!!! Não é amar no sentido em que estamos acostumados. Amar a esposa, o marido, o namorado, a mãe, o pai, o tio, a tia, os irmãos, os amigos, o cachorro e o gato. É no sentido de tentar compreender o ponto de vista da outra pessoa. Colocar-se no lugar dela. Não agredir, não maltratar, não diminuir, não falar mal, nem pela frente, muito menos pelas costas. Como você se sentiria se estivesse no lugar do outro? E se também te agredissem, maltratassem, diminuíssem, falassem mal de você, que sentimentos surgiriam no seu coração? Questionar-se sobre isso antes de falar e de agir, assim funciona o mandamento.
                                                                                            
Vale lembrar que não apenas ações e palavras têm força, mas também pensamentos. Assim já dizia a sabedoria das nossas tataravós. Existe até uma questão física envolvida nisso, embora seus mecanismos ainda não sejam completamente conhecidos. Basta lembrar que os pensamentos geram impulsos elétricos no cérebro, que por conseqüência geram campos eletromagnéticos no espaço. A intensidade é baixa. Mas são muitos os pensamentos voando por aí. Os bons espalhando o bem e os maus como que distribuindo bofetadas. Por isso, vigiem seus pensamentos para que sejam sempre bons. Isso faz bem até para a própria saúde! Afinal, acredita-se que maus pensamentos têm influência nociva sobre as defesas imunológicas. Quem já assistiu ao filme A Guerra dos Mundos com Tom Cruise? Ele mostra que só não estamos constantemente doentes devido às nossas defesas. Não podia ser diferente, pois respiramos vírus e bactérias o tempo todo. Então não custa nada manter os pensamentos limpos. Isso vale até para você que não acredita nessas coisas. Ninguém deveria ficar pensando mal dos outros mesmo. Nem os céticos.

Eu sei que não é fácil. Falar é mais simples que fazer. Mas quando em conflito direto com outras pessoas, vamos ao menos tentar nos colocar no lugar delas para compreender suas reações. Ninguém está 100% certo, nem 100% errado. Aposto, sem medo de perder, que todo mundo tem considerável parcela de culpa em qualquer conflito. E quando observamos os arranca-rabos de terceiros, para que tomar partido de um ou de outro?! Na maioria das vezes a gente nem ouve as duas partes! Sem contar que o objetivo é ajudar a minimizar os prejuízos emocionais e não jogar mais lenha na fogueira. Claro que devemos oferecer o ombro aos amigos, sem omissão. Mas demonstrar apoio deixando escapar palavras de ofensa aos “adversários” só atrapalha. Isso é desrespeitar os "inimigos". Capiche?! As críticas inflamam o ódio. Por que incentivar sentimentos negativos em quem a gente gosta? Para fazer a pessoa ficar mais brava? Ficar triste? Adoecer? Desnecessário. Para ajudar de verdade, temos que estimular pensamentos de paz, compreensão e carinho.

Pessoal, incentivar a discórdia é como atiçar os galos numa rinha de briga. Se os nossos galos forem perdedores, eles vão se machucar. E se os nossos galos forem vencedores, também!!! Por isso temos que acabar com as rinhas. Promover o respeito mútuo. O amor ao próximo como gostaríamos nós mesmos de recebê-lo. Não basta ficar repetindo que “nós perdoamos a quem nos tem ofendido” da boca para fora. Chega de brincar de papagaio. Vamos colocar em prática!

terça-feira, 16 de março de 2010

Chico Xavier - O Filme

Pessoal, também é possível aprender sobre espiritualidade no cinema. Abaixo o trailer do filme do Chico Xavier que estréia em 2 de abril, dia em que ele completaria 100 anos se estivesse vivo. Ou melhor, se estivesse encarnado. Recomendo!

quinta-feira, 11 de março de 2010

A Geração Nova

Na nossa última postagem vimos que dificilmente teremos uma catástrofe apocalíptica em 2012, conforme opinião de cientistas sérios da Nasa. Vejamos agora o que disse Allan Kardec no século XIX sobre o período pelo qual passaríamos em futuro breve:

"Para que na Terra sejam felizes os homens, preciso é que somente a povoem Espíritos bons, encarnados e desencarnados, que somente ao bem se dediquem. Havendo chegado o tempo, grande emigração se verifica dos que a habitam: a dos que praticam o mal pelo mal, ainda não tocados pelo sentimento do bem, os quais, já não sendo dignos do planeta transformado, serão excluídos, porque, senão, lhe ocasionariam de novo perturbação e confusão e constituiriam obstáculo ao progresso. Irão expiar o endurecimento de seus corações, uns em mundos inferiores, outros em raças terrestres ainda atrasadas, equivalentes a mundos daquela ordem, aos quais levarão os conhecimentos que hajam adquirido, tendo por missão fazê-las avançar. Substituí-los-ão Espíritos melhores, que farão reinem em seu seio a justiça, a paz e a fraternidade.

A Terra, no dizer dos Espíritos, não terá de transformar- se por meio de um cataclismo que aniquile de súbito uma geração. A atual desaparecerá gradualmente e a nova lhe sucederá do mesmo modo, sem que haja mudança alguma na ordem natural das coisas.

Tudo, pois, se processará exteriormente, como sói acontecer, com a única, mas capital diferença de que uma parte dos Espíritos que encarnavam na Terra aí não mais tornarão a encarnar. Em cada criança que nascer, em vez de um Espírito atrasado e inclinado ao mal, que antes nela encarnaria, virá um Espírito mais adiantado e propenso ao bem.

Muito menos, pois, se trata de uma nova geração corpórea, do que de uma nova geração de Espíritos. Sem dúvida, neste sentido é que Jesus entendia as coisas, quando declarava: "Digo-vos, em verdade, que esta geração não passará sem que estes fatos tenham ocorrido". Assim, decepcionados ficarão os que contem ver a transformação operar-se por efeitos sobrenaturais e maravilhosos.

A época atual é de transição; confundem-se os elementos das duas gerações. Colocados no ponto intermédio, assistimos à partida de uma e à chegada da outra, já se assinalando cada uma, no mundo, pelos caracteres que lhes são peculiares."

Extraído do livro A Gênese, de Allan Kardec, páginas 529 e 530.

domingo, 7 de março de 2010

2012 está chegando!

Muito se tem falado recentemente sobre um possível apocalipse em 2012, o qual poderia acontecer devido a um alinhamento entre a Terra, o Sol e o centro da Via Láctea, fato que coincide diretamente com uma profecia relacionada ao final do calendário Maia. O alinhamento poderia gerar forças gravitacionais e magnéticas elevadíssimas, ocasionar tempestades solares severas e alterações catastróficas no clima da Terra. Fui então investigar um pouco mais para desenvolver minha própria opinião sobre o que há de possível verdade em tudo isso. Mas creio que não tenho boas notícias aos fatalistas de plantão. Por exemplo, vocês sabiam que o alinhamento galáctico acontece todo ano?! Pois é, cientistas da Nasa derrubaram este e mais cinco mitos sobre o final dos tempos. Leiam a reportagem completa em http://bit.ly/b90BcQ.

quinta-feira, 4 de março de 2010

Sabotagem do futuro?!

Uma dupla de cientistas bastante renomados levantou uma hipótese curiosa para os problemas enfrentados recentemente pelos aceleradores de partículas do mundo inteiro na busca pelo Bóson de Higgs. Segundo Holger Nielsen, do Instituo Niels Bohr em Copenhagen, e Masao Ninomiya do Instituto Yukawa em Quioto, pode estar havendo uma sabotagem vinda do futuro!!! Acontece que a partícula pode ser tão repulsiva que sua críação geraria uma distorção temporal mais ou menos como se um viajante do tempo voltasse ao passado para matar o próprio bisavô. Ficou curioso!? Leia a reportagem completa no site do Terra em http://bit.ly/9kA1f7.

quarta-feira, 3 de março de 2010

Partícula de Deus

Bóson de Higgs. Este é o nome da sub-partícula ainda hipotética do átomo que vem sendo chamada de Partícula de Deus. Espera-se que ela seja a partícula fundamental responsável por explicar como a matéria se organiza no universo. Teoricamente, se não fosse por ela, os objetos sólidos seriam meros fantasmas de luz.

É para comprovar sua existência que foi construído o maior acelerador de partículas do mundo, o LHC (Large Hadron Collider). Esta máquina gigantesca custou 3 bilhões de euros, tem 27 quilômetros de circunferência e foi construída a 100 metros de profundidade na fronteira entre a Suiça e a França. O Bóson de Higgs é muito efêmero, ele se combina rapidamente para formar outras partículas. Para observá-lo durante uma brevíssima fração de tempo, seré necessário acelerar protons até quase à velocidade da luz e chocá-los uns contra os outros para que se quebrem em sub-partes. O experimento é tão complexo que gera níveis de energia em torno de 7 trilhões de Volts e recria condições semelhantes ao Big Bang, a explosão que deu origem a todas as coisas.

O LHC já está sendo colocado em funcionamento novamente, depois de um longo período parado devido a uma quebra. Seus níveis de energia serão incrementados gradualmente, mas é possível que ainda neste ano tenhamos notícias do Bóson de Higgs. Alguns cientistas acreditam que pode estar aí a explicação para a matéria escura e a energia escura.

Mais uma vez, vamos comparar com o Livro dos Espíritos:

30. A matéria é formada de um só ou de muitos elementos?

“De um só elemento primitivo. Os corpos que considerais simples não são verdadeiros elementos, são transformações da matéria primitiva.”

32. De acordo com o que vindes de dizer, os sabores, os odores, as cores, o som, as qualidades venenosas ou salutares dos corpos não passam de modificações de uma única substância primitiva?

“Sem dúvida e que só existem devido à disposição dos órgãos destinados a percebê-las.”

 33. A mesma matéria elementar é suscetível de experimentar todas as modificações e de adquirir todas as propriedades?

“Sim e é isso o que se deve entender quando dizemos que tudo está em tudo!”


É para se pensar... Se a ciência está perto de descobrir o Bóson de Higgs, se teremos condições de entender melhor a matéria escura e a energia escura, se o mundo espiritual é formado por "substâncias" que escapam dos nossos sentidos e são derivadas de um tal fluido cósmico universal, então creio que todas essas coisas podem estar relacionadas. Acredito que teremos uma era de grandes descobertas daqui para frente, não apenas no campo da ciência, mas também no campo da espiritualidade. Neste sentido, quero encerrar com uma poesia que encontrei na internet sobre o assunto:

Titulo: Bóson de Higgs
Autor: Marcelo Roque
Acelero versos
como quem acelera partículas
Recrio silêncios e explosões
preencho com formas, supostos vazios
para que então,
nas entrelinhas das descobertas,
na ante-sala do Éden,
eu possa por fim
redescobrir a mim mesmo

terça-feira, 2 de março de 2010

Matéria Escura

Falemos um pouco de cosmologia. Uma das coisas que mais intriga os cientistas atualmente é um tipo de matéria denominada matéria escura. Embora ninguém saiba direito o que é, o modelo cosmológico mais aceito pela ciência diz que a matéria escura compõe cerca de 23% da densidade de energia do universo. O restante é energia escura (73%), que também é um mistério para os estudiosos, e matéria bariônica (4%). É nesta última que estão contidas todas as galáxias, estrelas, cometas, planetas e todo o restante dos corpos celestes conhecidos, inclusive nós mesmos :)

A matéria escura não emite luz nem nenhuma outra forma de radiação. Ela apenas interage gravitacionalmente deformando o espaço-tempo postulado por Einstein em sua Teoria Geral da Relatividade. Teóricos já dizem que ela determina a estrutura geral do universo, formando uma espécie de esqueleto em torno do qual se agrupa toda a matéria convencional. Ela preenche tudo o que antes se pensava ser apenas vácuo.

Eu gosto de comparar estas recentes descobertas da ciência com o que a filosofia e a religião dizem desde algum tempo atrás. Vejam só: René Descartes, filósofo, físico e matemático que viveu no século XVII - o cara que inventou os eixos cartesianos - dividia a realidade em duas substâncias, uma que ele chamava de res cogitans (consciência) e outra denominada res extensa (matéria). Ele imaginava que a res extensa era uma espécie de manto universal a partir do qual se originavam todas as coisas. E o Livro dos Espíritos, escrito por Allan Kardec em 1857 no formato de perguntas e respostas, diz o seguinte sobre as propriedades da matéria:

22. Define-se geralmente a matéria como sendo o que tem extensão, o que é capaz de nos impressionar os sentidos, o que é impenetrável. São exatas estas definições?

Do vosso ponto de vista, elas o são, porque não falais senão do que conheceis. Mas a matéria existe em estados que ignorais. Pode ser, por exemplo, tão etérea e sutil, que nenhuma impressão vos cause aos sentidos. Contudo, é sempre matéria. Para vós, porém, não o seria

29. A ponderabilidade é um atributo essencial da matéria?

“Da matéria como a entendeis, sim; não, porém, da matéria considerada como fluido universal. A matéria etérea e sutil que constitui esse fluido vos é imponderável. Nem por isso, entretanto, deixa de ser o princípio da vossa matéria pesada.”

36. O vácuo absoluto existe em alguma parte no espaço universal?

Não, não há o vácuo. O que te parece vazio está ocupado por matéria que te escapa aos sentidos e aos instrumentos.

Tem a ver... não tem?! Para quem ficou curioso e quiser se aprofundar, basta procurar o termo "matéria escura" no Google que tem um montão de sites falando dela. Também recomendo ficar de olho nos canais da National Geographic, Discovery Channel e History que de vez em quando passam programas legais sobre esse assunto. E bom aprendizado!

segunda-feira, 1 de março de 2010

O luxo nos torna egoístas?

Pessoal, segue dica de uma entrevista interessante. Saiu recentemente na Revista Época. É de um professor da Universidade Harvard nos Estados Unidos que percebeu que uma reunião feita numa sala modesta pode levar a conclusões distintas daquelas a que o mesmo grupo de pessoas chegaria se estivesse rodeado de telões de plasma e pisando sobre mármore. De certa forma, este tema está relacionado à Lei do Progresso, a qual aponta o orgulho e o egoísmo como as principais barreiras para a evolução. Para quem quiser ler a entrevista, segue o link: http://bit.ly/945LnJ.